Psicotropicus - Centro Brasileiro de Política de Drogas

segunda-feira, 28 de março de 2011

Brasil e Bolívia buscam acordo para fortalecer o combate ao narcotráfico

Os governos mudam e a política segue remando na mesma maré. Somando forças para o velho e derrotado projeto de guerra às drogas Brasil e Bolívia firmaram um pacto para combater o narcotráfico nos dois países. O plano ainda prevê a cooperação dos Estados Unidos, grande investidor deste modelo de política repressiva.

De acordo com a ONU a Bolívia tem cerca de 30.900 hectares de coca, sendo que apenas 12.000 são legalizados e utilizados nos rituais religiosos andinos. De acordo com uma reportagem da Agência Brasil a atuação conjunta dos governos servirá apenas para erradicar a produção de coca considerada excedente.

quarta-feira, 23 de março de 2011

Semana Verde agita o ativismo canábico em Niterói

Hoje o Psicoblog oferece uma ótima dica para os leitores da Região Metropolitana do Rio de Janeiro. O coletivo que organiza a Marcha da Maconha de Niterói promove entre os dias 7 e 14 de abril a primeira Semana Verde da cidade fluminense. O evento contará com atividades culturais, debates com especialistas na área e com a exibição do documentário Cortina de Fumaça. Vale lembrar que todas as atividades são gratuitas e abertas ao público. Confira abaixo a programação!

sexta-feira, 18 de março de 2011

Projeto do Senador Demóstenes defende a prisão ou internação compulsória para usuários de drogas

Por ter dito que "de onde menos se espera é que não sai nada mesmo" o Barão de Itararé ainda permanece atual quando o que está em análise é a política brasileira. Na questão das drogas chama atenção o Projeto de Lei 111/2010, de autoria do Senador Demóstenes Torres (DEM-GO), que propõe o retorno da pena de detenção (de seis meses a um ano) para usuários de drogas, com a opção de substituir a pena por “tratamento especializado” em forma de internação compulsória.

Na contramão das decisões que estão sendo tomadas em outros países o Brasil ganha destaque no noticiário com um medida que busca endurecer ainda mais o discurso repressivo e punitivo na temática das drogas. A aprovação deste projeto representaria um retrocesso ao já modesto avanço da Lei 11.343/06, que acabou com a pena de prisão para quem porta ou cultiva drogas ilícitas para uso pessoal.

quinta-feira, 17 de março de 2011

Concurso Cultural Psicotropicus e Hempadão: Vale um livro “Maconha: Mitos e Fatos”

A causa da legalização é nobre demais para ser feita sozinha. Somando forças e formando parcerias é possível ir bem longe e atingir um público cada vez maior. Nesta semana estamos realizando concurso cultural promovido em conjunto pela ONG Psicotropicus e pelo Hempadão!

Até a 23h59 da próxima terça-feira (21/03) vamos receber textos em forma de prosa ou poesia, no tamanho de uma página de Word, com corpo 12 e fonte Times New Roman com o tema da Legalização da Maconha e uma política de drogas mais racional. Os três melhores serão premiados com o livro “Maconha: Mitos e Fatos”, de Lynn Zimmer e John P. Morgan, recém-traduzido para o português pela Psicotropicus.

Fazendo uso de uma vasta referencia científica, a publicação desconstrói uma série de falácias que infelizmente ainda sustentam a criminalização da erva. Aqueles que não estão interessados em participar do concurso podem adquirir o livro com uma doação mínima de 25 reais para a ONG. Os textos devem ser enviados assinados para redacao@hempadao.com! Envie também sua idade e o estado onde você mora.

segunda-feira, 14 de março de 2011

Roda de Conversa com o neurocientista Sidarta Ribeiro

Não aceitar o potencial medicinal da cannabis pode ser explicado por dois motivos: preconceito ou falta de informação. Apesar do Brasil ainda não ter regulamentado o uso medicamentoso da maconha já podemos comemorar o desenvolvimento de pesquisas por cientistas brasileiros. Do Rio Grande do Norte o neurocientista Sidarta Ribeiro, co-autor do Livro “Maconha, Cérebro e Saúde”, apresenta de forma bem clara as qualidade médicas dacannabis, além de ser bem claro ao explicar os riscos que seu uso pode provocar. Confira abaixo um vídeo produzido pelo pessoal do Lado[R] durante um encontro promovido pelo Coletivo Cannabis Ativa.

terça-feira, 1 de março de 2011

Cannabis Medicinal em debate na Matilha Cultural (SP)

Foto: www.hempadao.com Explicar a população os motivos do fracasso na proibição das drogas é tão importante quanto reivindicar o fim desta política dentro da esfera política. Na semana passada as portas da Matilha Cultura, em São Paulo, se abriram para uma exibição gratuita do documentário Cortina de Fumaça, seguido de um debate para promover o lançamento do livro CannabisMedicinal – Guia de Cultivo Indoor, do antropólogo Sérgio Vidal.

Participaram deste encontro o Deputado Federal Paulo Teixeira (PT-SP), o antropólogo Maurício Fiore e o neurocientista e membro do Coletivo DAR Renato Filev. Confira no vídeo abaixo alguns momentos do encontro.